Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

queremlaver

contactoclaudiaoliveira@gmail.com

contactoclaudiaoliveira@gmail.com

ESTOU EM CHOQUE COM O PREÇO

Os meus amigos costumam dizer que um dia os meus filhos me vão pedir uma PS no Natal. Se calhar é comum os miúdos passarem por isso. Nunca tive uma, também nunca senti falta. Muito menos agora com telemóvel, computador, internet e mil redes sociais. Eu sinto que a PS vai falecer daqui a uns aninhos e os miúdos vão deixar de jogar estas coisas para jogar online na cidade (lembram-se da febre dos pokémon?) com o telemóvel na mão. Um dia as mãos transformam-se em telemóveis e as senhas wi-fi passam a estar disponíveis. A internet será gratuita para o mundo inteiro.

 

Quando vi o preço da PS e dos respectivos jogos fiquei de boca aberta. Não fazia ideia que os pais gastavam quase um ordenado para comprar uma PS. Meu rico subsidio de natal. Não me vejo a gastar tanto dinheiro num presente. Forreta, oiço. Talvez. Nunca tive uma PS e estou aqui viva da silva. Nem odeio os meus pais por isso. Talvez os meus filhos me odeiem o resto da vida ou acabe por ceder às chantagens emocionais. O futuro promete. Continuo em choque com os preços, 400€ dá para pilhas e pilhas de livros.

 

O Natal está a chegar e já começo a pensar nos presentes. Ando a comparar preços e a ver as promoções. Três meses é tempo suficiente. Concordam? Nem mais nem menos. As sugestões no nosso grupo de Poupança são presentes artesanais (azeites aromatizados, blocos e cadernos), velas, compotas, albuns de fotos personalizados, porta chaves,...). Brevemente mais sugestões com bons preços, não percam. 

 

Para vales de compras Worten clica na imagem 

 


OUTUBRO OUSADO | DESAFIO NO GUARDA ROUPA

 

 

Este fim de semana estive a arrumar o guarda roupa. Troquei os tons do verão pelos tons terra do outono. São cores que têm muito mais a ver comigo. Verdes, cinzas, castanhos, pretos, brancos, nudes, pasteis. Foi fácil a transição porque já não tenho os quilos de roupa que tinha antigamente e tenho tudo muito organizado. Há lá coisa melhor, querem lá ver. 

 

Enquanto experimentava algumas peças lembrei-me que podia fazer um desafio pessoal nos próximos trinta dias. Não vou esperar pelo primeiro dia de Outubro, começo hoje. Passo a explicar. Outubro Ousadia é o nome do desafio. Consiste em ousar, como indica o nome. Ousar na hora de construir os looks diários. Usar as peças do guarda roupa de forma diferente. Sair da minha zona de conforto. Ser criativa e aumentar a confiança perante o olhar dos outros no que diz respeito à roupa que eu uso. Poupar, não comprar a comprar mais peças novas. Ver reacções, partilhar, anotar, incentivar, sentir, comunicar. 

 

A nova colecção chegou a várias lojas e sinceramente a tendência é ir espreitar e ficar a babar algumas peças. Confesso, fui espreitar tudo! Vi alguns vídeos sobre as peças chave da próxima estação e fiquei com os olhos a brilhar. Parei de ser consumista, mas não deixei de gostar de roupa e apreciar moda. Sigo as blogueiras famosas no IG e adoro ver as fotos dos looks do dia. Tudo internacional, excepto uma menina portuguesa. Não há malta em que eu admire no mundo da moda em Portugal. Vestem-se todas de igual (excepto a Raquel). Ups, polémica. Devem existir, eu é que não conheço, vá. 

 

Adiante, estava a dizer que quero pegar nesta vontade de comprar roupa e dar a volta à situação. Agarrar naquilo que já tenho. Estive com várias peças que nunca usei porque não sei como usar aquilo. Já aconteceu a todas. Compramos algo mas depois não sabemos como conjugar aquilo sem ser com uma camisola básica branca. Verdade? Todas juntas. Sim!

 

No final da arrumação e da casa aprumada fui às compras. Algo que já não fazia há cerca de três anos e meio (?). É mais ou menos isso. Não saía de casa com objectivo de fazer compras. Reparei que precisava de um par de calças de ganga. Só tenho calças largas rasgadas e umas capri. Precisava de umas botas pretas com salto. Só tenho botas com salto de cunha. Queria uma boina e umas argolas. Era só. O que eu comprei?

 

Comprei um par e calças de ganga, botas pretas, argolas e duas saias. Paguei cerca de 27€ na Mango Outlet. Imaginem, as botas eram 69.90€, paguei apenas 9.90€. Não é aquele tipo de bota para todos os gostos porque são um bocadinho esquisitas, mas eu adoro. Não encontrei a boina, mas trouxe as argolas. Despachei-me em três tempos e fiquei super satisfeita com o resultado. 

 

Quanto ao desafio Outubro Ousado tenciono partilhar se tiver coragem no instastories (@ClaudiaOSimoes) sem nenhuma pretensão. Vou tirar foto diária para mais tarde recordar e fazer o balanço final. Só para ver quantas vezes uso a peça X, não repito looks. Vou fazer 30 looks diários (vou excluir os fins de semana). Não esperem ousadia à maluca, eu sou uma pessoa contida. Prometo que vou tentar soltar a franga e usar padrões improváveis, mas não quero parecer o espantalho da aldeia.

 

Hoje lá fui eu toda confiante com o meu vestido preto. De argolas e batom escuro. Sabem o que me disseram quando me viram? "Estás muito gira, vais cantar o fado?"; "olha a fadista". Pronto, uma pessoa quer arriscar e é isto. Depois mostro a fadista que há em mim só para vocês comprovarem. Ainda estou meio sem saber como vou fazer isto, mas desafio é desafio e eu gosto. 

 

Amanhã estou a pensar vir de jogadora de futebol, o que acham?

 

Grupo no Facebook | poupança 2017

contactoclaudiaoliveira@gmail.com

queremlaver.blogs.sapo.pt

@ClaudiaOSimoes

 

 

 

BALANÇO | POUPANÇA E FINANÇAS

Faltam três meses para terminar o ano. Está na hora de fazer balanço das minhas finanças e poupanças. Levar as mãos à cabeça e calcular o que ainda preciso de poupar ou alterar.

 

via GIPHY

 

Vamos lá.

 

Finanças

Fiz as pazes com as finanças. Somos amigas outra vez. Vi a minha dívida ser perdoada e poupei uns valentes euros. Não podia ter ficado mais agradecida com esta situação. Foi uma excelente lição e aprendizagem. Aprendi bastante a este nível, tudo pago e tudo perfeito. Vou começar a controlar o site quinzenalmente de forma a evitar eventuais sustos.

 

Cartão de Crédito

O cartão de crédito está com a dívida saldada. Nem um cêntimo por pagar. Não faço intenções de usá-lo futuramente. Ontem vi descontado um valor de 4€ na minha conta devido ao cartão de crédito. Tenho de verificar se é um valor mensal por ter o cartão. Sempre fui um bocadinho despistada com essas coisas. Casa seja um valor mensal vou cancelar o cartão. É um valor alto e ao final do ano acaba por cerca de 50€ por algo que não uso. 

 

Conta Poupança

Abri uma Conta Poupança Aforro no meu banco. O dinheiro está a ser guardado mensalmente e tem corrido bem até ao momento. No mealheiro coloquei o dinheiro das vendas que eu fiz (Kobo, por exemplo) mas pretendo juntar este dinheiro à conta poupança de forma a receber juros.

 

Dívidas

Saldei duas grandes dívidas que mantinha desde o inicio do ano e não podia estar mais satisfeita. Tenho a decorrer o crédito do carro que pretendo pagar assim que juntar o dinheiro. Quero saldar as dívidas com o maior valor de TAEG (é um ótimo indicador para comparar o custo total de um crédito pessoal porque, para além de incluir encargos com juros, despesas de processo e comissões, engloba igualmente os custos do seguro do crédito. Assim, num crédito pessoal, automóvel ou com outra finalidade, é definitivamente esta a taxa que deve analisar para comparar custos entre instituições). 

 

Telecomunicações

Alterei os tarifários e estou a poupar vários euros mensalmente. O meu plano é o mais barato do mercado em Portugal. Comprei um telemóvel mais barato em vez de optar por uma marca muito cara. 

 

Compras

Diminui drasticamente as compras, dei continuidade a tudo o que aprendi nos anos anteriores.

A pouca roupa que comprei foi em França em grandes armazéns. Assim como o único par de ténis. Gastei alguns euros no IKEA para alterar a decoração do quarto. Foram cerca de 50€ (almofadas, tapete, plantas,...). Investi em produtos de make up na altura dos saldos: base correctiva (2 em 1), máscara de olhos, serum anti age, óleo enriquecedor e água micelar. Nisto estou muito poupada porque só compro produtos quando algum termina. Também deixei de comprar certos produtos e não sinto falta. Poupo vários euros desta forma. 

 

Em relação ao meu maior vicio, os livros, saí-me lindamente. Foi realmente a minha grande evolução. Não deixei de comprar livros, mas em vez dos trinta ou quarenta que comprava num evento como a Feira do Livro comprei cinco. Não cedo facilmente às promoções e campanhas quando não pretendo de todo ler os livros de imediato. Criei os desafios 5+13+1. A minha lista de desejados continua a ser contida e racional. 

 

Desafio 52 semanas

Correu bem até ao mês da viagem a Paris. Depois optei por colocar o dinheiro numa conta em vez de estar num mealheiro sem juros. Está a correr melhor do que esperava. 

 

Geral

Fui várias vezes a restaurantes este ano. Só me arrependo de uma única vez porque gastei muito e comi super mal. Foi numa visita a São Martinho. Comer bem continua a ser um dos grandes prazeres da vida e com as poupanças acabei por ter mais espaço de manobra para ir a restaurantes com a minha família. Evito de todo visitas a pastelarias e prefiro beber o meu café em casa assim como levar marmita para o emprego. Ainda preciso de melhorar as minhas visitas ao supermercado. Compro várias coisas desnecessariamente porque adoro experimentar produtos novos. Continuo só a comprar produtos em promoção quando preciso de escolher. Também deixei de efectuar compras mensais no supermercado e optei pelas compras quase diárias. O meu saldo para as compras no supermercado acabou por render mais e chegar até a final do mês em algumas alturas. Somos quatro em casa, mas fazemos uma boa gestão do dinheiro. Anoto tudo, estou atenta e perdi o medo de espreitar o saldo do multibanco. 

 

Grupo no Facebook | poupança 2017

contactoclaudiaoliveira@gmail.com

queremlaver.blogs.sapo.pt

@ClaudiaOSimoes


VALEU A PENA TER KOBO?

Há uns anos atrás comprei um Kobo. Tinham acabado de chegar a Portugal e eu fiquei em ânsias para experimentar. O Kobo é um leitor de ebooks. Foi uma prendinha de mim para mim no dia do meu aniversário. Usei muito, até ao dia em que o vendi. Exactamente no domingo passado. Comprei por 179€, vendi por 60€. Super baratinho, não é verdade?

 

A grande vantagem do Kobo na minha vida foi a possibilidade de ler no escuro enquanto os meus filhos dormiam ao lado no berço. Eles agora dormem no quarto deles por isso já posso ter a luz acesa quando quiser. Posto isto, como quero guardar dinheiro e sempre sonhei ter um Kindle, decidi que estava na hora de destralhar. Enquanto tive um Kobo poupei uma série de euros em livros. Verdade! Por isso recomendo sempre para quem gosta de tecnologia e pretende poupar euros. 

 

Por enquanto estou decidida a ler apenas os meus livros em papel e diminuir a pilha de livros por ler da minha estante. Entretanto já andei a espreitar Kindle usados no OLX, não pretendo dar mais de 70€ por um. Até lá está tudo bem, o porco mealheiro está a engordar tal como eu gosto. 

 

 

 

 

 

HOTDEALS OU BLACK FRIDAY?

Aproveito a Hotdeals até amanhã ou espero pela Black Friday? Alguém pode estar a colocar esta questão na mesa.

 

Ouvi dizer que algumas marcas fazem promoções enganosas na Black Friday. Por exemplo, metem os produtos a um preço superior e anunciam um super desconto com o mesmo preço do ano inteiro. Imensas noticias na internet sobre o assunto, também já vi algumas situações desse género em época de saldos). No entanto, sei de grandes compras na Black Friday com 50% desconto em cartão, por exemplo. Electrodomésticos é do melhor nessa altura.

 

Gostei das características deste portátil (imagem no topo) e do preço. Acho que são óptimas características para quem pretende estudar informática. Mas sabem o que reparei ontem no curso? A escola tem computadores e fazemos todos os trabalhos no horário do curso. Não preciso de fazer nada em casa no primeiro ano. Vai dar-me mais tempo para pensar e para comparar preços em várias campanhas. Quando chegar a Black Friday vejo se o preço é realmente bom.  Até lá vou ficar atenta. 

 

Outra coisa, como é que costumam fazer com o Office? Reparei que os últimos portáteis que comprei não vinham com o Office instalado. É comum, segundo as minhas pesquisas. Os packs são um bocadinho caros (ver imagem no topo). Alguém conseguiu a um preço melhor? Eu sou muito leiga no assunto, mas estou a tentar aprender o máximo possível.

 

 

 

 

ENVIADA A PRIMEIRA NEWSLETTER

 

Já foi enviada a primeira Newsletter  (podes subscrever AQUI). O primeiro tema foi Rotina e Organização. Falo um bocadinho da minha experiência pessoal e dou algumas dicas e sugestões de leitura. Afinal comecei o curso e tudo mudou. O meu tempo mudou. Espero sinceramente que gostem. É conteúdo exclusivo e feito com muito carinho. 

 

 

 

via GIPHY

Pág. 1/3